BEDA – Alquimia

Os vapores sobem

No espargir dos aromas

Manuseia o tomilho

Que trata como um filho

Cantarola  enquanto refoga

Canções que improvisa

A bordo de permanente sorriso

Dois fios de azeite

Sobre dentes de alho esmagado

Acompanhados por

Dentes-de-leão

O refogado hipnotiza e seduz

Tragam o açafrão, a flor de sal

O estragão!

A salsaparrilha

O pulsar do coração

No panelão de ferro

Arte e alquimia

Degustadora poesia

Em silêncio

Condimentos

São sentimentos

(Jorge Ricardo Dias)

Esse texto faz parte da blogagem coletiva BEDA Blog Every Day August

Participam comigo:

Claudia Leonardi – Darlene Regina – Lunna Guedes – Mariana Gouveia – Obdulio Ortega Nuñes – Suzana Martins

Imagem licenciada: Shutterstock

Publicidade

Um comentário sobre “BEDA – Alquimia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s