BEDA –

Ter amigo de verdade e não seguidores de uma rede social, está se tornando artigo raro. Fazer amigos e manter essa amizade por anos, virou comportamento jurássico. A impressão que tenho é que a humanidade perdeu essa qualidade tão peculiar nos “animais racionais”.

Eu posso dizer com toda segurança que tenho amigos de verdade. Daqueles que mesmo na distância, são fiéis companheiros e estão sempre com disposição de ajudar caso precise. E quando digo ajudar, não significa auxílio monetário mas sim, ofertar o ombro para nos ouvir, aconselhar, chorar junto se preciso for. Mas também se unir e dar muitas risadas espontâneas por qualquer bobagem que se diga. E há momentos em que se é necessário falar bobagens, contar piadas, afinal, são tempero importante para dosar e equilibrar nossas vidas. Viver não pode se fiar apenas em trabalhar e pagar contas. Não mesmo!

Podem acreditar, minha vida é colorida por todos os tons do arco-íris porque a luz e a variedade do matiz da paleta é infinita.

Esse texto faz parte da blogagem coletiva BEDA Blog Every Day August

Participam comigo:

Claudia Leonardi – Darlene Regina – Lunna Guedes – Mariana Gouveia – Obdulio Ortega Nuñes – Suzana Martins

Imagem licenciada: Shutterstock

Publicidade

Um comentário sobre “BEDA –

  1. Muito louca a realidade atual onde se valoriza tanto esse papo de seguidores. Coisa mais estranha. Eu sempre fui de poucos amigos mas os que tenho são preciosos e desde o começo, acho muito estranho esse negócio de não sei quantos k de seguidores. Não dou conta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s