2020 – apesar de tudo ou por tudo, eu li!

O ano de 2020 foi peculiar em muitos aspectos inclusive, em minhas leituras.

Por força da profissão e amor a leitura, todo ano costumava ler muitos livros. Infanto-juvenis, romances, suspense, contos, crônicas, ensaios.

Com a chegada da quarentena, presa em meu apartamento e sozinha, tive de me contentar com o que tinha em minhas estantes. Por sorte, trabalhando de forma remota, trouxe algumas caixas repletas de livros para analisar, fazer uma leitura técnica e registrar no acervo da biblioteca em que trabalhava.

Conforme foram passando os dias, arrastada pela monotonia e da conscientização da gravidade do que passávamos, fui ficando com meu foco na leitura comprometido. Iniciei vários livros e acabava abandonando-os pelo caminho.

Talvez esse comprometimento tenha acontecido pelo excesso de informação obtida através da internet e das redes sociais. Muitas lives a sobrecarregar a mente com tantas informações – o que na maioria -, conscientizei-me depois, desnecessárias. Parei com tudo!

Acalmando a mente e as emoções, avaliei o que tinha aqui comigo em minha estante e selecionei o que gostaria de ler de fato.

Acredito que foi o melhor que fiz e eis abaixo, minha lista de leituras de 2020, o ano que não aconteceu e ainda não terminou!

Primavera num espelho partido – Mario Benedetti

Escola de contos eróticos para viúvas – Balli Kaur Jaswal

O silêncio dos amantes – Lya Luft

Invenção e memória – Lygia Fagundes Telles

Secreções, excreções e desatinos – Rubem Fonseca

Amiga cozinha: crônicas & receitas – Sonia Hirsch

Só para mulheres – Sonia Hirsch

Antes que eu vá – Lauren Oliver

A vegetariana – Han Kang

Os trabalhos da mão – Alfredo Bosi

O gigante enterrado – Kazuo Ishiguro

O estalo – Luís Dill

Labirinto no escuro – Luís Dill

As memórias de Eugênia – Marcos Bagno

Marcéu – Marcos Bagno

Ah, fora os livros da Scenarium Livros Artesanais que aproveitei para ler alguns que ainda não havia lido por falta de tempo ou reler outros que gostei muito.

Esse texto faz parte da blogagem coletiva sobre o tema “As leituras de 2020”, proposta por Lunna Guedes.

Lunna Guedes Mariana Gouveia Obdulio Nuñes Ortega Suzana Martins

3 comentários sobre “2020 – apesar de tudo ou por tudo, eu li!

  1. Confesso que me senti insuportável por ver dois livros meus ali. Gente, que honra.
    Mas sabe que passamos por processos bem parecidos no ano que passou? E foi nos livros que eu encontrei pouso-abrigo e meios de manter a lucidez.

  2. Confesso que para mim também foi igual e fiquei com sorriso de orelha a orelha… Vi dois livros meus ali. O seu também foi parte de minha leitura, Roseli. Abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s