Família…

constelacoes-familiares-1

Administrar conflitos não é das tarefas mais fáceis nem das mais gostosas de se executar. No seio familiar então, quando todos têm uma intimidade maior, aí sim se dá embates homéricos. Certa vez alguém teve a seguinte sacada, não me recordo quem mas tornou-se verdade absoluta: Família só muda de endereço. Santa verdade Batman!!

Tenho observado o comportamento das pessoas mais próximas – mais especificamente, família, e tenho visto as atitudes que cada uma toma diante dos problemas enfrentados.

A tensão tornou-se uma constante na postura, nos gestos, nas feições endurecidas, no olhar desprovido de alegria e embaçado por lágrimas. Ataques verbais cada dia mais presentes, fúria contida pela dita “civilidade”.

Eu que sempre me achei ponderada, tranquila, otimista, tenho apresentado comportamento agressivo com determinadas pessoas que têm me irritado muito. Pessoas que tenho plena consciência, amo, no entanto, diante de suas fraquezas na qual enxergo a minha própria, desperta-me raiva.

Quero gritar minha ira, minha revolta, meu descontentamento porém, nem mesmo o hálito quente da garganta sai. E o sentimento inquieto, incômodo, indesejado cresce feito fermento biológico em descanso. Sinto que vai transbordar.

Tenho preso às pernas grilhões invisíveis que as teias familiares formam. Em alguns momentos, gostaria de me ver livre de todos, sair sozinha pelo mundo. Deixar para trás passado e presente. Arrancar a carcaça que vesti até agora e trocar por outra mais leve, menos embrutecida. Zerar.

Sair pelo mundo aprendendo coisas novas, língua nova, hábitos novos. Desvendar outras culturas.Degustar outros sabores.

Então, caio na real e vejo que a única lição a ser aprendida é Aceitação. Da vida como ela é e não como gostaríamos que fosse, das pessoas com o que elas têm a nos oferecer e não como réplicas de nós mesmo. Dos problemas que na realidade, são fases a serem superadas com sabedoria e não com chororô de criança mimada.

Diante desse insight, curvo-me envergonhada por tudo o que venho sentindo. Sei o que devo fazer mas ainda assim, emperro meus passos atrasando minha evolução

Anúncios

5 comentários sobre “Família…

  1. Aceitação é tudo, não só na família, mas em todo convívio humano. Agora, ô troço difícil viu! Às vezes tenho muita vontade de comprar uma passagem só de ida lá pra Pasárgada, e dar notícias só por cartão postal pra família. ; )

    Sábia você Rose.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s